domingo, 14 de fevereiro de 2016

Etiqueta para crianças em festas infantis - 5 regras fundamentais

Hoje em dia festa virou Evento, com essa premissa, quando vamos em festas infantis eu uso umas técnicas que me ajudam não passar vergonha.

A primeira regra é: Não correr, pular, gritar ou brigar com outras crianças. Lógico que fico de olho, porém é explicado antes de sair de casa que caso não colaborem voltaremos para casa.

O segundo combinado é não sair do meu campo de visão, podem brincar contanto que me veja. Tenho sorte porque os meus são uns grudes, mas morro de medo pois festas grandes tem muitas pessoas desconhecidas, pode ter escadas ou locais perigosos.

O terceiro item é não por a mão na mesa e sair comendo tudo o que ver pela frente. Eles precisam ter um horário em que vão sentar e comer, até para não sair espalhando comidas por tudo, pisando e fazendo aquela lambança, assim como em casa a refeição tem que ser feita na mesa.
Gosto de oferecer algo para comer antes da festa,  pois nem sempre a comida ( salgados e doces) são oferecidos na hora da chegada e o bolo é uma das últimas coisas que servem, então dou comida em casa, para não ficar ouvindo chororô e para não passar vergonha na hora em que as comidas são servidas, por mais educadas que as crianças sejam , se estiverem com muita fome, vão atacar e comer como esfomeados, falo porque já vi muitas crianças fazerem isso e não é legal.

Em quarto lugar é a atenção as embalagens, copos descartáveis , pratinhos e guardanapos, existe uma grande  falta de educação, sempre que a festa acaba vemos muitos descartáveis pelo chão , jogados de qualquer jeito, sendo que o certo á ensinar é que lixo é no lixo, então meus meninos já sabem dessa regra e sempre procuram o lixo para jogarem as coisas, seria bom se todos fizessem assim.

Em quinto lugar tem os  brinquedos que estão disponíveis em festinhas infantis, ensinei-os a serem cordiais e respeitarem sua vez, e fico assustada com algumas crianças que se acham donas do brinquedo, deve-se ensinar desde cedo a dividir o que é coletivo.

E fora isso é tudo diversão, eu particularmente curto festinhas caseiras, aqui não rola festa grande faz um tempão, mas todo ano vamos em alguma e posso dizer que eles curtem muito.
É só combinar e deixar que eles curtam sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário